top of page
aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa.png

Histórico: Gianni Morandi, Massimo Ranieri e Al Bano dividem o palco do Festival de Sanremo


Na segunda noite do Festival de Sanremo, três grandes nomes da música italiana se uniram no palco para cantar seus maiores sucessos.


Foto: Daniele Venturelli/Getty Images

Uma grande noite merece grandes convidados.


O histórico encontro entre Gianni Morandi, Massimo Ranieri e Al Bano aconteceu no palco do teatro Ariston, durante a segunda noite de apresentações do Festival de Sanremo. Separadamente, apresentaram alguns dos maiores sucessos de cada.


Gianni Morandi, que também é co-apresentador dessa edição, começou o medley com "Andavo a cento all'ora" (1963), Seguido por Massimo Ranieri com o clássico "Se bruciasse la città"(1970) e Al Bano com "Mattino" (2004).


Massimo Ranieri também apresentou os clássicos "Rose rosse" (1970) e "Perdere l'amore" (1988) a plenos pulmões. Por sua vez, Al Bano entoou a famosa "Felicità" (1982) e "È la mia vita" (1999). Juntos, os três cantam "Scende la pioggia" - de Gianni Morandi (1970).


Com uma linda mensagem, Gianni Morandi encerra o medley com a emocionante "Uno su mille" (1985).


"Essa é uma foto que entrará para a história"
Foto: Daniele Venturelli/Getty Images

Ao final da exibição, Amadeus pede que os três se reúnam no centro do palco para tirar uma foto e anuncia o aniversário de "4 x 20" de Al Bano, que será no dia 20 de maio. O palco recebe quatro bolos de aniversário com velas indicando "20 anos", e Al Bano assopra e, antes de ir embora, ainda faz flexões no chão.




Abaixo, assista a um trecho do medley:



3 visualizações0 comentário

Comments


Sem título (1).png
  • Twitter
  • Youtube
  • Instagram
  • Facebook
B.png
bottom of page